25 abr. 2009

Ser poeta - Florbela Espanca, voz Lota Moncada


Poetisa portuguesa, natural de Vila Viçosa (Alentejo), onde nasceu em 1894, filha ilegítima de João Maria Espanca e de Antónia da Conceição Lobo, sua empregada como criada de servir (como se dizia na época).

Morreu com apenas 36 anos, no dia do seu aniversário, a 8 de Dezembro de 1930. Tendo a sua mãe falecido em 1908, e apesar de registada como filha de pai incógnito, foi educada pelo pai e pela madrasta, Mariana Espanca, em Vila Viçosa, tal como seu irmão de sangue, Apeles Espanca, nascido em 1897 e registado da mesma maneira.

<br />


Mais informações sobre:
http://www.osmeussonetos.blogspot.com/2007/01/florbela-espanca.html

1 comentario:

Themis dijo...

Hola! Yo ando aquí, como siempre, pero no te he visto en skype. Hoy trataré de conectarme a skype a eso de la una y media o dos (de aquí, ahí serán cinco horas antes).
Un abrazo